quinta-feira, 29 de março de 2012

Do dia

Que me queira como eu estou
Aonde quer que eu vá
Com tudo que restou

Indo de encontro com nada
Se misturando ao enredo
Outra história entrecortada

Esperando o vazio
Navegando nas águas
De um outro rio

E onde fores, me leve
Nem que seja ao fim
Mesmo que seja breve

7 comentários:

  1. A menina que ouve o alguém que grita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas só porque ele grita em silêncio. rs

      Excluir
  2. bonito poema, soou bem musical!
    gostei.

    ResponderExcluir
  3. Obrigado pessoal, de verdade. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. oi minha linda!!! to te visitando de novo. bjus
    continua escrevendo muito bem.

    ResponderExcluir